Igreja no Brasil e no mundo

12 de agosto de 2017

Dia dos Pais: o melhor presente é o que brota do coração!

CNBB

“Dia dos Pais: o melhor presente é aquele que brota do coração”, afirma o Arcebispo de Brasília e Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Cardeal Sérgio da Rocha.

Neste segundo domingo do mês de agosto, Dia dos Pais, é uma ocasião especial para demonstrar a gratidão, o carinho e o apoio aos nossos pais, homens que deixam marcas de amor e de fé na história dos filhos.

Segundo o Cardeal, “os presentes mais importantes que se podem oferecer aos pais, neste dia, não são aqueles que se compram em lojas, mas os que brotam do coração: a gratidão, o carinho, o respeito e a convivência fraterna”.

“Os pais, certamente, querem ver suas famílias unidas em paz, com os filhos que convivem em fraternidade. Esse é o maior presente que nós podemos dar aos nossos pais nesse dia”, ressalta ainda o Cardeal Sérgio da Rocha.

A arte de ser pai é um ato de educação, é a arte da aprendizagem, e mais, um ato de amor.

Nesta ocasião, vale refletir sobre José, o pai adotivo de Jesus, o “Patrono Universal da Igreja Católica”. José assistiu Jesus, o acompanhou e testemunhou o seu crescimento.

Nesta data, abraçamos também todas as famílias, por ocasião da “Semana Nacional da Família”. Esta Semana é um momento especial para valorizar a missão de cada pai na família e, ao mesmo tempo, valorizar a própria família. É importante acompanhar nossos pais, conviver com eles como filhos que lhes demonstram gratidão sincera ”.

No Dia dos Pais, não podemos esquecer os pais espirituais, que são os sacerdotes: homens que tem a missão de gerar filhos para Deus. O Padre gera, todos os dias, o amor, a alegria e a paz nos corações dos fiéis.

No Brasil, o Dia dos Pais foi comemorado, pela primeira vez, em 1953, no dia 16 de agosto. Nasceu da ideia de um publicitário, Sylvio Bhering, na época diretor do jornal “O Globo” e da rádio homônima. O objetivo desta data era social e comercial. Mas, com o passar dos anos, a data tornou-se oficial, comemorada no segundo domingo de agosto. (MT/CNBB)






CatolicaSJC Ano Mariano

0 Comments


Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *