Notícias da Diocese

13 de março de 2017

Superiora Geral das Pequenas Missionárias inicia visita canônica às comunidades religiosas da Congregação

Vanessa Fernandes | IPMMI

A superiora geral da Congregação das Pequenas Missionárias de Maria Imaculada, Madre Sandra Maciel Notolini, iniciou em fevereiro visita canônica às comunidades religiosas da Congregação fixadas em cinco estados brasileiros, Portugal, Itália e Moçambique.

Acompanhada pela Irmã Edy Faria, conselheira geral da Congregação, Madre Sandra encontra-se em Portugal desde a última quarta-feira, dia 8 de março, para visitar as comunidades de Envendos, Castelo Branco e Lisboa onde as Pequenas Missionárias atuam em Abrigos de Longa Permanência, Pastoral da Saúde e ainda realizam visitas domiciliares a famílias.

“Nosso objetivo com a visita é animar a vida consagrada das Irmãs, confirmá-las na missão, verificar se estão bem e como estão sendo os frutos dessa missão. É uma visita de revitalização da nossa vida consagrada e de retomada também das raízes do nosso carisma”, explica a Madre.

Casa Mãe. A visita canônica ou pastoral é uma visita oficial prevista pelo Código de Direito Canônico. Na Congregação das Pequenas Missionárias, deverá acontecer no período de 2 anos em função do grande número de comunidades religiosas; para que todas as Irmãs sejam ouvidas e em respeito às outras atividades desempenhadas pela Madre Superiora.

A primeira comunidade visitada pela Madre Sandra, em fevereiro, foi a das 31 religiosas que vivem na Casa Mãe, sede da Congregação, em São José dos Campos.

Durante 10 dias, a Madre conheceu mais profundamente os trabalhos missionários realizados pelas Irmãs dentro e fora da Casa Mãe. “Elas auxiliam a população carente que vive nas ruas, apoiam pessoas que precisam de oração e ainda são forte presença em diversas pastorais. Foi muito bonito ver mais de perto a missão das Irmãs da Casa Mãe”, disse a Madre Sandra.

Carisma. A Congregação das Pequenas Missionárias de Maria Imaculada foi criada há 80 anos por Madre Maria Teresa de Jesus Eucarístico, que encontra-se em processo de canonização no Vaticano. Atualmente, cerca de 220 religiosas colocam em prática no Brasil e no exterior o carisma da Congregação: atender os enfermos em todos os seus aspectos; atender os idosos, promover a catequese e participar de missões humanitárias.

Em nossa região, a Congregação das Pequenas Missionárias é responsável pela administração dos hospitais Antoninho da Rocha Marmo e Pio XII, em São José dos Campos, e Stella Maris, em Caraguatatuba. As religiosas também são responsáveis pelo Recanto São João de Deus, que atende idosos em situação de vulnerabilidade social, em São José dos Campos.






MISERERE   Ano Mariano

0 Comments


Seja o primeiro a comentar!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *